A desoladora imagem da destruição de bens públicos

“As coisas mais admiráveis são facilmente destruídas, mas não são facilmente criadas.” Essa frase é do pensador Roger Scruton. Quando escreveu, ele referia-se aos valores civilizatórios, porém, a semelhança com os bens materiais também é verdadeira.

Desenvolver o espírito de civilidade é mais difícil do que destruí-lo, assim como, produzir materiais é mais difícil do que espremê-los em um aterro. Essa é uma situação que relaciona diretamente responsabilidade de cada cidadão para auxiliar no desenvolvimento da cidade.

A imagem, mais uma vez, não é a mais bonita, àquela que gostaríamos de aplaudir. É extremamente o inverso, são sinais de um vandalismo e um desrespeito com todos. Destruir um bem que serve para toda comunidade é lamentável. Na madrugada de sexta- feira dois contêineres foram destruídos na rua Bento Manoel. A Secretária do meio Ambiente, Gabriela Segabinazzi, realizou um registro na Delegacia de Polícia e solicitou as imagens das câmeras para que o culpado(a), seja localizado (a) e punido. Não houve ocorrência de acidente registrada pela Brigada Militar.

Desde que foi implementada a coleta seletiva no Município, há mais de 30 dias, dos 100 colocados dois pares já foram destruídos. Cada Contêiner tem um custo de R$1.385,00. Todo o trabalho realizado em prol da população para que essa opção viesse a somar, teve e tem o envolvimento de muitas pessoas. É um grande desafio, mas temos que encarar, porque isso é saúde, preservação ambiental e apresentação visual de toda cidade e a correta gestão de seus resíduos sólidos, considerou a secretária.

A coleta seletiva é um dos pontos que a Secretaria está trabalhando com ênfase desde que o caminhão começou a recolher o material e os contêineres foram colocados nas ruas. Os de cor azul serão para colocar o lixo seco e os  marrom vão ser para o lixo úmido, o que se decompõe.

Nos contêineres que foram atingidos por um veiculo na Avenida Doutor Lauro Dorneles, o motorista foi identificado e autuado por dano ao Patrimônio Público. É imprescindível que a população tenha mais consciência e avalie o custo benefício e toda a importância da coleta seletiva e, desta forma denuncie qualquer ato de vandalismo.

Flaviane Antolini Favero

 

Compartilhe
  • 212
  •  
  •  
  •  
  •  
    212
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *