Acompanhe as oscilações de contágio do Coronavírus nas duas últimas semanas em Alegrete

O PAT tem realizado um acompanhamento em relação ao crescimento dos casos positivos do novo coronavírus,  principalmente,  depois do último feriadão.  Além do acréscimo nos casos positivos, hospitalizações,  também, houve registro de mais um óbito.

A ligação telefônica que mudou uma vida

Realizando um comparativo entre o início da semana passada até a quarta-feira e o início desta semana até ontem (21), é perceptível algumas mudanças consideráveis.

No dia 11 de outubro(domingo), foram registrados 9 casos positivos, com cinco hospitalizados, sendo cinco mulheres e quatro homens com idades entre 22 e 75 anos.

Já neste domingo(18), o registro foi do 17° óbito do Município.  Um homem de 56 anos.

Na segunda-feira do dia 12, o registro foi de uma adolescente de 14 anos positivada e mantinha cinco pacientes hospitalizados.

Pelo comportamento no domingo, população decretou o fim da pandemia

Porém, nesta segunda-feira (19), o quadro foi de 17 casos positivos, incluindo uma criança. Totalizando, ainda, nove mulheres e sete homens entre 01 e 83 anos. Com três hospitalizados.

Já na terça-feira do dia 13, o boletim epidemiológico registrou 12 casos positivos,  com cinco pacientes hospitalizados.  Sendo sete mulheres e cinco homens entre 20 e 60 anos.

Uma realidade diferente desta terça-feira (20), onde o número de hospitalizados estava computando apenas um e 13 casos positivos, com a idade entre 13 e 64 anos, sendo sete mulheres e seis homens.

Mas para encerrar o comparativo entre as duas semanas, na quarta-feira do dia 14, a realidade no Município assustava com a informação de 22 casos em apenas um dia. Um número bem considerável.  Naquele dia, cinco pessoas estavam hospitalizadas

Dos positivos, 15 eram homens e seis eram mulheres entre 2 e 66 anos. O que é distante dos números de ontem à noite onde o registro foi de dez casos positivos com um paciente hospitalizado. Entre eles seis homens e três mulheres,além de mais uma criança,  na faixa etária entre cinco e 76 anos.

Embora a semana tenha começado com o registro do óbito, no decorrer dos dias também houve uma diminuição dos casos positivos com um aumento dos recuperados nos boletins epidemiológicos.

O reforço de todos os profissionais da área da saúde é para que a população mantenha os cuidados com uso da máscara e da higienização das com álcool em gel.