Alegrete registra pelo segundo ano o maior PIB agropecuário do Estado

Mesmo tendo enfrentado uma das maiores estiagens dos últimos anos, em 2021 estendida em 2022, o Município se recuperou num exemplo de trabalho e força do setor responsável pela economia do maior Município em extensão territorial do Estado.

E pelo segundo ano consecutivo, Alegrete, registrou o maior PIB agropecuário do estado.

Com destaque para a produção de arroz, soja e bovinos, a cidade da Fronteira-Oeste é um exemplo da recuperação após a estiagem que afetou os números do Estado em 2020 e concluiu 2021 com um VAB de R$ 1,13 bilhão, 1,51% do total do segmento no Rio Grande do Sul.

Idoso é atropelado em Manoel Viana; vítima foi transferida para Alegrete

O aumento do cultivo da lavoura de soja que já chega a 100 mil ha, mais o cultivo de arroz e trigo associado a produção pecuária mostra a força do agro aqui na Terceira Capital Farroupilha. O setor tem potencial e tem atraído produtores de outras regiões do RS e faz que com isso o Município seja uma nova fronteira agrícola do RS, visto que ainda tem muita terra para implementar produção agropecuária.

Primo com problemas na estrada; esse foi o enredo para mais um golpe no pix

O município registrou maior participação no segmento da Agropecuária no Valor Adicionado Bruto (VAB), que é o PIB menos o valor dos impostos. A lista dos cinco maiores da agropecuária segue com Tupanciretã (1,46% do total), Dom Pedrito (1,40%), São Gabriel (1,39%) e Palmeira das Missões (1,31%).

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários