‘Aumento expressivo’ de doença diarreica aguda é identificado em 11 cidades do RS, diz Secretaria da Saúde

'Aumento expressivo' de doença diarreica aguda é identificado em 11 cidades do RS, diz Secretaria da Saúde
'Aumento expressivo' de doença diarreica aguda é identificado em 11 cidades do RS, diz Secretaria da Saúde

A Secretaria Estadual da Saúde (SES) afirmou, nesta sexta-feira (22), que 11 cidades do Rio Grande do Sul tiveram “aumento expressivo” de casos da doença diarreica aguda (DDA). Além disso, outros 13 municípios registraram surtos em escolas. 

Na avaliação do Centro Estadual de Vigilância em Saúde, a retomada de atividades é um dos fatores que pode provocar o aumento da circulação no norovírus, causador da DDA.

“A reabertura de creches, escolas e empresas, com consequente aumento da circulação de pessoas e diminuição do distanciamento social, promovem maior contato interpessoal e consequentemente contribui para a transmissão destes agentes”, afirma o Cevs, em informe epidemiológico.

A infecção por norovírus é caracterizada por diarreia, vômito, febre, dor de cabeça e dor de estômago. A gastroenterite se desenvolve de 12 a 48 horas após a exposição e a total recuperação geralmente ocorre entre um e três dias, pontua o Cevs.

“É uma doença grave e que exige cuidado médico imediato”, alerta o epidemiologista e professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Paulo Petry.

A Vigilância em Saúde do RS afirma que o vírus é transmitido de pessoa para pessoa ou pela contaminação da água ou de alimentos. Na quinta (21), a Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) ampliou a quantidade de cloro acrescida na água como forma de prevenção à doença diarreica aguda.

No início de outubro, 25 municípios do estado haviam relatado surto da DDA, com 2 mil pessoas contaminadas desde o final de agosto.

Aumento expressivo de DDA:

  • Santana do Livramento (em acompanhamento)
  • Dois Irmãos (normalizado)
  • Esteio (em acompanhamento)
  • São Pedro da Serra (normalizado)
  • Saldanha Marinho (em acompanhamento)
  • Horizontina (em acompanhamento)
  • Lavras do Sul (normalizado)
  • Caxias do Sul (em acompanhamento)
  • Bento Gonçalves (em acompanhamento)
  • Santa Cruz do Sul (em acompanhamento)
  • Lajeado (em acompanhamento)

Surtos em escolas:

  • Porto Alegre
  • Barra Funda
  • Colorado
  • Erechim
  • Ijuí
  • Mato Leitão
  • Nova Prata
  • Santa Maria
  • Santa Rosa
  • Santo Antônio do Palma
  • Sarandi
  • Selbach
  • Tucunduva

Fonte: G1

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários