Ballerina é eleita Escola Destaque do Bento em Dança e conquista diversos prêmios

Mais uma vez a Escola de Dança Ballerina de Alegrete trouxe importantes prêmios de um dos maiores festivais de dança do RS.

Presente em todas as edições já realizadas na serra gaúcha, a cada ano, o reconhecimento do trabalho garante a evolução e a continuidade da busca pelo aperfeiçoamento técnico e artístico dos bailarinos da escola alegretense.

O 27º Bento em Dança foi realizado entre os dias 5 e 11 de outubro, caracterizado por um conjunto de

 

atividades técnico-artísticas, de formação e competitivas com o intuito de aproximar oportunidades de desenvolvimento aos estudantes, amadores e profissionais da dança.

Dividido em gêneros e categorias, durante sete dias, o palco do mais tradicional festival do sul, viu no deslizar dos passos, nos desenhos dos mais variados movimentos, sentimentos, emoções e sonhos de crianças e jovens que fazem da arte da Dança um ideal de vida.

Na edição de 2019, além do concurso e aulas com renomados mestres, o festival contou com uma nova proposta, no sentido de valorizar ainda mais o papel do bailarino.

O prêmio Tito Barbón, é uma competição de alto rendimento onde se participa através de seleção por vídeo ou por convite, realizada em duas etapas onde os participantes devem apresentar trabalhos nos gêneros Ballet Clássico de Repertório e Clássico Livre ou Técnicas Contemporâneas de Dança para participantes com idades acima dos 14 anos.

A Ballerina, como convidada, foi representada pela bailarina Elisa Giacomelli, que após sua primeira apresentação, foi selecionada para a final do concurso.

Foram sete dias de muito trabalho e muito aprendizado, resultado de muitos meses de dedicação e envolvimento de familiares e bailarinos. O Bento em Dança encerra a participação da Escola nos festivais em 2019. Presente no Fidpoa, Sul em Dança, Festival de Dança de Joinville e Santo Ângelo em Dança.

A Escola Ballerina trouxe do Bento em Dança 2019, nove primeiros lugares, oito segundos e quatro terceiros.

O nível da conceituada escola se perpetuou com a conquista de uma premiação especial jamais conquistada pela Ballerina. A Família Azul foi eleita pelo conjunto da obra como “Escola Destaque”, Destaque Ballet Clássico com a bailarina Maria Fernanda Dutra, de apenas 10 anos de idade.

A Ballerina consolidou o acesso direto ao DANÇARTE- Algarve International Dance Competitions, em Portugal. Bolsas de 100% para Helena Goldemberg, Maria Fernanda Dutra e Rafaelle Sá para o Passo de Arte Internacional em São Paulo. Bolsas de estudos para o Passo de Arte Move aos bailarinos Luiz Fernando Barbosa e Elisa Giacomelli.

Prêmio Só Dança; Bolsa de estudos de 100% para o Instituto Jovem Ballet de Santa Catarina.

“Vitoriosos e felizes encerramos mais uma etapa do trabalho que segue na busca constante do aprimoramento artístico e pessoal de cada um dos nossos alunos”, avaliou a professora Jacqueline Zacarias.

Júlio Cesar Santos              Fotos e Fonte: Escola de Dança Ballerina

 

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *