Caçador morre após disparo acidental de arma de fogo em Espumoso

Testemunha disse à polícia que Fabiano Silveira Machado tentou afastar cães quando a arma que usava disparou acidentalmente sob seu braço.

Um homem de 33 anos morreu, na sexta-feira (7), por disparo acidental de arma de fogo em Espumoso, no Norte do Rio Grande do Sul. Segundo a Polícia Civil, a vítima é Fabiano Silveira Machado, que fazia caça de animais junto de um amigo na localidade de Guanxuma.

De acordo com a Polícia Civil, o amigo falou que alguns cães se aproximaram. Fabiano tentou afastar os animais com a própria arma, quando ela teria disparado acidentalmente, atingindo o rapaz embaixo do braço.

A arma, que estava em situação irregular, foi apreendida pela polícia, que investiga o caso. O segundo caçador, de 53 anos, é considerado apenas testemunha do fato. Não se tem informações se é permitida a caça no local onde o corpo foi encontrado.

Fabiano deixa pais, três irmãos, esposa e filha. O corpo foi sepultado na tarde deste sábado (8).

Fonte: G1

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários