fbpx

Eis apenas um exemplo do que os insuportáveis fogos com estampido provocam
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Além das aglomerações que ocorreram na madrugada do ano novo, outra situação que gerou revolta em muitas pessoas foram os fogos de artifício. O artefato com estampido causa estresse em autistas, enfermos, bebês, idosos e animais.

Embora esteja em vigor a  lei que proíbe a queima de fogos de artifício com ruído acima de cem decibéis no Estado, a prática ainda ocorreu em Alegrete, mesmo que tenha sido em uma quantidade inferior aos anos anteriores, foi o suficiente para que alguns registros de fuga e ferimentos em alguns cães. Os cachorros têm a audição quatro vezes mais potente do que os humanos. Alguns alegretenses ignoraram a Lei Estadual e soltaram fogos de artifício para saudar 2021.

Ovelha guacha tranca cabeça em quadro de bicicleta em Alegrete

Uma das ocorrências devido ao trauma causado pelos fogos foi na Cidade Alta. O resultado final só teve um final feliz pelo trabalho realizado pela equipe dos Bombeiros de Alegrete que resgatou Rex. De acordo com informações, no momento dos fogos, ele ficou muito agitado e desapareceu, a proprietária passou a procurá-lo mas não o encontrava. Muito preocupada, passou a chamá-lo, quando percebeu um barulho diferente e identificou que era Rex. Ela se deteve e percebeu os gemidos(choro), do cão. No início até pensou que fosse no telhado e acionou os Bombeiros que, com auxílio de um vizinho, ao lado da residência, identificaram que Rex estava entre um “vão” das casas. O local era de difícil acesso, mesmo assim, os Bombeiros tentaram tirá-lo por cima, mas como não foi possível, com muito cuidado abriram um acesso pelo muro e Rex foi resgatado. Apesar da situação extrema que passou, o cão estava bem e demonstrou o carinho ao ser retirado pelos militares.

Homem é esfaqueado em assalto na BR 290

De acordo com legislação, de autoria da deputada Luciana Genro (PSOL), está proibida a queima e a soltura de fogos de estampidos de “efeito sonoro ruidoso” que ultrapassem os cem decibéis à distância de cem metros da deflagração. A proposta foi aprovada em outubro de 2019 e sancionada pelo governador, mas dependia da regulamentação para entrar em vigor. O artefato com estampido causa estresse em autistas, enfermos e em animais. A lei foi regulamentada em dezembro deste ano, e portanto, está em vigência no território gaúcho. Porém, a fiscalização ainda é inócua pois é muito difícil de flagrar e deter todas as pessoas que soltam fogos.

Policial Militar realiza o sonho do pequeno Anthony em Alegrete

Alegrete por sua vez, perdeu a oportunidade de ter uma Lei Municipal, diante de um Projeto de autoria da ex-vereadora Vanda Dorneles. O Projeto foi rejeitado pela Câmara. Mas desta forma, seria a oportunidade de proibir a venda de fogos com efeito sonoro, com isso, os locais de venda seriam fiscalizados.

Profissional de saúde da equipe Covid descreve as agruras e exaustão nesta pandemia

No ano passado, ocorreram registros de cães que morreram devido ao stress. Muitos convulsionam ou se ferem de forma grave tentando fugir do barulho estridente.

 

Flaviane Antolini Favero

 


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •