Engenheiro alegretense, Leonardo Cera, é eleito presidente da Federação de Agronomia do Rio Grande do Sul

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Leonardo Cera, Engenheiro Agrônomo da Prefeitura de Alegrete e presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Alegrete (AEAA), que liderava uma chapa composta por representantes de 10 Associações de Agronomia do Estado, foi eleito presidente da Sociedade de Agronomia do Rio Grande do Sul (SARGS).

 

A SARGS, entidade fundada em 17 de agosto de 1943 e com sede na capital Porto Alegre, é a Federação Gaúcha das associações de engenheiros agrônomos, entidade de máxima representação da classe agronômica no Estado e com assento na Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil (CONFAEAB).

Leonardo Cera comenta que a missão da nova diretoria foi construída por todos os integrantes e que entre os objetivos estão trabalhar com o propósito de promover a valorização dos profissionais engenheiros agrônomos e da agronomia, com uma administração moderna, voltada para as pessoas, para a informação e para os processos, tornando a SARGS administrativamente forte e organizada. 

Comenta ainda que o planejamento do plano de ação contou com o apoio e consultoria da empresa SEAC gestão, de Alegrete.

Marta Helena Ebert Hamm Oliveira, representante da Associação Bageense de Engenheiros Agrônomos (ABEA), eleita como vice-presidente complementa que o foco da nova gestão será buscar congregar, representar, defender os interesses coletivos das associações de agronomia do Rio Grande do Sul e contribuir para o fortalecimento destas, fomentar a ética nas relações profissionais e contribuir para o desenvolvimento técnico, econômico e social dos engenheiros agrônomos.

Outro alegretense também fará parte da nova diretoria, Lulo José Pires Corrêa, ex-coordenador adjunto do colégio de entidades regionais do CREA-RS, para o cargo de Diretor Técnico. Os doze integrantes da nova diretoria têm participação ativa e longa experiência em suas associações regionais e agora somaram esforços para qualificar e ampliar a representação e a força da Federação de Agronomia no Estado do Rio Grande do Sul. 

A chapa RENOVARSARGS foi eleita com 93 % dos votos, assim constituída:

 

DIRETORIA EXECUTIVA

  • DIRETOR PRESIDENTE – Leonardo Gonçalves Cera (AEAA) – Alegrete
  • DIRETOR VICE-PRESIDENTE – Marta Helena Ebert Hamm Oliveira (ABEA) – Bagé
  • DIRETOR ADMINISTRATIVO – Matheus Stapassoli Piato (AEAPA) – Porto Alegre
  • DIRETOR FINANCEIRO – Guilherme Hernandez Bilibio (SEARCA) – Cruz Alta
  • DIRETOR TÉCNICO – Lulo José Pires Corrêa (AEAA) – Alegrete
  • DIRETOR DE POLÍTICA PROFISSIONAL – Ivo Lessa Silveira Filho (AEAPA) – Porto Alegre

 

CONSELHO FISCAL

  • 1° CONSELHEIRO TITULAR – Fernando Luís Barcellos Mallmann (ASEAT) – Lajeado
  • 2° CONSELHEIRO TITULAR – Pedro Henrique Ruwer (AENORGS) – Santa Rosa
  • 3° CONSELHEIRO TITULAR – Moacir Cardoso Elias (AEAPEL) – Pelotas
  • 1° CONSELHEIRO SUPLENTE – Juarez Morbini Lopes (SASM) – Santa Maria
  • 2° CONSELHEIRO SUPLENTE – Bernardo Luiz Palma (AEAPF) – Passo Fundo
  • 3° CONSELHEIRO SUPLENTE – Andréa Brondani da Rocha (AEAVARP) – Santa Cruz do Sul

O Engenheiro Agrônomo Leonardo Cera é servidor público municipal na Prefeitura de Alegrete desde 2012, desempenha atualmente suas funções na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Alegrete respondendo pelo departamento de fomento ao agronegócio e também coordena o programa municipal de bovinocultura leiteira. Presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Alegrete desde 2016, entre uma séria de atividades realizadas, foi um dos responsáveis por trazer para Alegrete em 2018 e colaborar na organização da 18ª edição do Encontro Estadual de Entidades de Classe do CREA-RS, maior evento destinado às associações profissionais do Sistema CONFEA-CREA-MUTUA.

“Faz apenas 9 anos que me formei na graduação e 5 do mestrado e agora recebi a confiança dos colegas de profissão para representar toda a classe agronômica do Estado. Mostra que o trabalho que estamos fazendo até aqui está sendo correto e agora reconhecido” – destaca.

 

 

 


Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •