Forças Armadas permitirão alistamento feminino a partir de 2025

Exército, Marinha e FAB planejam construções de estruturas para receber mulheres que se alistarem; decisão foi consensual no ministério da Defesa

O Ministério da Defesa decidiu permitir que mulheres participem do alistamento militar nas Forças Armadas pela 1ª vez a partir de 2025. A decisão foi consensual entre os comandantes militares.

O Exército, a Marinha e FAB (Força Aérea Brasileira) planejam as construções de estruturas para receber mulheres que se alistarem. Também há o interesse de realizarem uma campanha para incentivar o ingresso feminino no serviço militar.

O ministro da Defesa, José Múcio, defende que o crescimento do efetivo feminino, oriundo do alistamento feminino, seja gradativo nas Forças. A expectativa inicial é de que 20% das vagas totais sejam reservadas para as mulheres.

Do total, em média, 85.000 pessoas se alistam e ingressam nas Forças. O Exército concentra o maior efetivo, com 75.000. É seguido por FAB  (7.000) e Marinha (3.000). O tema segue em discussão.

Fonte: Poder360

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários