Grupo defensor da causa ambiental retira quatro caminhões de entulhos das margens do Ibirapuitã

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um grupo com voluntários, moradores do bairro Vila Nova e integrantes do grupo Pró Rio Ibirapuitã se reuniu  para recolher o lixo às margens do Rio Ibirapuitã.

Na cidade há coleta de lixo orgânico e seletiva, porém, no Rio sempre são encontradas diversas garrafas de plástico, isopor, bola, colchão, eletrônicos e até mesmo um vaso sanitário.

Clisman Acorci é um dos voluntários que participou do mutirão de limpeza, que já aconteceu algumas vezes com outros grupos e também com a participação da Prefeitura de Alegrete. “É triste. As pessoas não tem conscientização, ficam poluindo e infelizmente está dessa maneira”, afirma o morador que foi, segundo ele, o idealizador desta ação.

A publicitária que venceu as sequelas de um grave acidente pela fé e perseverança

A intenção é procurar conscientizar as pessoas a evitar jogar lixo, embalagens nas ruas e calçadas, porque no final ela cai na galeria pluvial e termina no rio. Ou até mesmo aqueles descartes que são flagrados direto às margens do Rio.  “O trabalho é difícil, porque a gente consegue conscientizar uma parte, mas a outra não se engaja no projeto. Não é algo difícil de fazer, é ter responsabilidade”, diz.

Ele ressaltou que foram cerca de quatro caminhões de entulhos. A Prefeitura através da Secretaria de Infraestrutura auxiliou com a remoção. Desta forma, com o destino correto para o lixo. O movimento ocorreu durante o feriado.

Drive thru Rural, no Durasnal, compensou as restrições da pandemia na semana da criança