Jovem morto no lago dos Patinhos foi homenageado por familiares e amigos

Impossível definir, difícil de lidar; a dor que uma mãe sente quando perde um filho é devastadora!

Jovem morto no lago dos Patinhos foi homenageado por familiares e amigos
Jovem morto no lago dos Patinhos foi homenageado por familiares e amigos

No dia 29 de novembro completou um ano da morte do adolescente Roni dos Santos Luiz de 15 anos. Ele saiu com alguns amigos para buscar um lanche na madrugada e ao passarem pelo Parque Rui Ramos, entraram no lago. Na sequência, Roni foi retirado por ter sofrido um mal súbito e posteriormente faleceu na UPA.

A mãe e irmãs, acompanhadas de amigos fizeram na tarde de ontem, uma caminhada pacífica que saiu da frente da casa onde Roni residia com elas(família), no bairro Nilo Soares Gonçalves, até o Parque Rui Ramos. Com balões e cartazes, elas lembraram o quanto o adolescente era um filho, irmão e amigo incrível. De acordo com  a irmã, Renata, a caminhada simboliza o amor de todos por Roni. “Estamos aqui em oração, para lembrar nosso irmão. Essa dor é insuportável, é uma homenagem a ele”- pontua.

Talentoso, fotógrafo alegretense mostra sua arte “Para além do imaginário”

Os balões foram colocados no cercado ao lago onde houve o momento de oração.

Todos se emocionaram muito durante o trajeto, principalmente, a mãe do adolescente.

A fatalidade se deu depois dos menores saírem da residência de um deles, no bairro Nilo Soares Gonçalves, onde estavam jogando Free Fire com a finalidade de buscarem um lanche no centro. Quando passavam pelo Parque Rui Ramos, infelizmente a brincadeira terminou em tragédia.

Colecionador da Placar, em Alegrete, exibe mais de 1.400 exemplares da revista

Muita balada a mãe de Roni falou da dor que sente pela ausência do filho. Em relação ao que ela descreve sobre o inquérito, a reportagem falou com a Delegada Fernanda Mendonça, responsável pela 1ªDP de Alegrete e pela DPPA. A informação foi que o inquérito foi concluído com os laudos. Roni faleceu em decorrência de asfixia mecânica provocada por alimentos, ou seja, o adolescente teria se afogado no próprio vômito. Não havia lesões no corpo.

O jovem, segundo a família era um menino que tinha um grande coração. Um adolescente que respeitava a mãe e as irmãs além de ser um grande amigo dos amigos.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários