Justiça Federal determina que ruas do bairro Nilo Gonçalves sejam refeitas

Um processo que se arrastava desde 2018, em que a Prefeitura entrou contra a Caixa Federal solicitando que ruas do bairro Nilo Soares Gonçalves fosses refeitas, visto que dois anos depois de entregues, em 2013, começaram a esburacar.

Presidente e Vice do Nilo Gonçalves
Presidente e Vice do Nilo Gonçalves

Um processo que se arrastava desde 2018, em que a Prefeitura entrou contra a Caixa Federal solicitando que ruas do bairro Nilo Soares Gonçalves fosses refeitas, visto que dois anos depois de entregues, em 2013, começaram a esburacar.

Decio Marini lança e-book Alegrete Antigo em Fotos

Marta Mosselin, presidente do bairro e Luis Euclides da Rosa, vice -presidente informam que a sentença da Justiça Federal para que a Caixa deva refazer a pavimentação saiu no último dia 24.

Presidente e Vice do Nilo Gonçalves
Presidente e Vice do Nilo Gonçalves

O bairro Nilo Soares Gonçalves tem 450 casas do Minha Casa Minha Vida e cera de três mil pessoas.

  • Dois anos depois que recebemos nossas casas, já com as rua asfaltadas, nas que transitam os ônibus começaram apresentar problemas. Começamos a reclamar e, na verdade, nem sabíamos para quem, porque virou um jogo de empurra, diz a presidente do bairro.

Ao mesmo tempo que estão contentes com essa decisão da Justiça, permanecem na expectativa, porque Caixa tem 15 dias para se manifestar. A Caixa Federal tem que notificar a empresa que fez o trabalho, a época – a Construtora Sotrim.

Abuso sexual contra crianças muitas vezes parte de familiares; veja um exemplo

As ruas mais atingidas são: Noel Oliveira, Lenda do Jarau e Mãe do Ouro, sendo que os líderes comunitários dizem que várias outras vias estão com buracos, assim como a ligação com o bairro Promorar que está intransitável.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários