Novo Superintendente do Sebrae-RS visita o Prefeito e garante continuidade dos projetos no Município

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na manhã desta quarta-feira, o prefeito Márcio Amaral recebeu a visita de empresários, lideranças do município e do Sebrae. O motivo do encontro foi a apresentação do novo superintendente do Sebrae no Rio Grande do Sul, André Vanoni de Godoy.

André é natural de Caxias do Sul, empresário, administrador de empresas e advogado. Foi membro titular do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae-RS. Dirigiu, ainda, o Sistema Fiergs e atuou como presidente da Associação dos Administradores da Região Nordeste do RS, do Conselho Deliberativo da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul e do Conselho Consultivo do Sesi de Caxias do Sul.

O prefeito Márcio destacou a parceria do Sebrae com os municípios e falou sobre a importância de manter essa cooperação, principalmente através do projeto Líder, que visa a qualificação e integração das lideranças em busca do desenvolvimento regional.

O novo superintendente garantiu a continuidade dos projetos efetivos, ressaltou a relevância da Educação Empreendedora e disse que os municípios precisam assumir o protagonismo para que obtenham retorno no que se refere ao avanço econômico.
Também estavam presentes o secretário de Agricultura e Pecuária, Daniel Gindri e a chefe de gabinete do prefeito, Cleide Cáurio.

Educação Empreendedora

Num segundo momento, a comitiva do Sebrae reuniu-se com a secretária Marcia Dornelles, equipe pedagógica da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, diretores e professores das escolas municipais que participam do Programa Jovem Empreendedores Primeiros Passos (JEPP).

A proposta do JEPP é fomentar a educação e a cultura empreendedora, apresentando práticas de aprendizagem e dando condições para a emancipação dos alunos para que possam gestar a própria vida.

No início do projeto em 2017, eram cerca de 400 alunos de três escolas do município participando, hoje são 1.050 e a ideia é que na medida do possível todas as escolas sejam contempladas, tendo o JEPP como prática pedagógica.
Foram relatadas as experiências em sala de aula e como a prática do projeto auxilia no ensino das disciplinas.

Fonte: DPCom PMA


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •