OPAA e voluntários solicitam ração para alimentar cães perdidos na enchente

A enchente atinge muito bairros da cidade. As pessoas todas foram socorridas ou resgatadas, mas pelas ruas vagam cães que não têm como ir para os abrigos.

E, preocupados com estes animais, a OPAA e voluntários solicitam ração para alimentá-los, pois muitos deles estão a deriva em vários pontos de Alegrete.

Nara Leite, presidente da OPAA, com muita garatidão informa que uma emenda impositiva da vereadora Dileusa Alves de 95 mil chegou em boa hora. – Com este valor podemos comprar 10 casinhas, mais de 2,5 mil quilos de ração e vamos proporcioinar mais 200 castrações. É uma conquista de muita gratidão que podemos ajudar esses amigos de quatro patas. Ela diz que estão indo nos abrigos onde estão as famílias atingidas pela enchente cadastrando quem tem cães para possíveis castrações e deixaram um responsável que vai colocar rações aos cães.

Números da violência contra a mulher no trimestre em Alegrete chegam a 87 casos

Os protetores de animais solicitam a quem puder alimentar um cão excluido pela enchente que o faça. Eles são irracionais e não sabem o que está acontendo, ponderam.

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários