Produtos em condições irregulares são apreendidos durante Curso sobre combate ao abigeato

Encerrou nesta manhã de sexta-feira (12), o curso realizado pelo Comitê gestor de enfrentamento ao abigeato e abate irregular de animais do RS

2014-12-12 11.41.29
A farta programação teórica serviu para qualificar as esquipes de Polícia Civil, Brigada Militar, Polícia Rodoviária Federal, Secretarias de Saúde, Fazenda, Agricultura, Vigilância Sanitária e Meio Ambiente que atuam diretamente nesta área de abigeato e abate irregular de animais.
2014-12-12 10.56.36
Durante quatro dias estiveram reunidos no Casarão do Parque Lauro Dorneles todas as entidades que visam coibir os problemas de comercialização de carne de forma irregular, sem a inspeção dos órgãos competentes e o abate clandestino. O curso foi uma troca de experiências entre os vários órgãos, secretarias municipais e de Estado, avalia Ivan Pogorzelski, assessor do SSP.
2014-12-12 11.41.08
A parte prática no encerramento do curso deflagrou uma operação para combate ao abigeato e abate de carne clandestina. O ponto de partida da ação foi no posto a PRF da BR-290. De lá foram divididos em grupos. Duas equipes instalaram barreiras no KM 585 na entrada dos Pinheiros e outro no KM 587. A operação abigeato se estendeu para o Km 574 no entrocamento com a RS-377, via de acesso a Manoel Viana.
10834158_772847942789071_108956661_n
Para o chefe do 13º Departamento da PRF, que envolve as cidades de Alegrete, Uruguaiana, Barra do Quaraí e Quaraí, a organização e os pontos estratégicos mapeados na operação, contribuíram para o êxito da ação de combate ao abigeato.
IMG-20141212-WA0007
De acordo com Ellen Costa, responsável pela fiscalização da Vigilância Sanitária, foram apreendidos aproximadamente 700 kg de alimentos irregulares, como: carnes, frutas, fios de ovos acondicionados em galões, e várias caixas de alface.
IMG-20141212-WA0009
A preocupação da saúde pública com o consumo de carne sem fiscalização sanitária, o transporte irregular destes produtos sem armazenamento ideal e fora da temperatura recomendada, foram alvo das apreensões.
10850931_772847832789082_1045930562_n
Para a Polícia Civil o trabalho preventivo foi importante, mas é preciso uma continuação dessas ações coibindo o transporte de carne irregular. Para Brigada Militar ,o curso aproximou as entidades envolvidas e agregou valores: “estamos a disposição para as próximas ações”, comentou o soldado Clímaco.
IMG-20141212-WA0004
A Operação finalizou por volta do meio dia desta sexta-feira (12) onde foram entregue os certificados no salão de reuniões do Sindicato Rural. A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio, em parceria com o Gabinete de Gestão Integrada da Fronteira e Estadual, 10ª Coordenadoria Regional de Saúde, Serviço de Inspeção Municipal avaliou de forma positiva o saldo final da operação que a partir de agora será intensificada na cidade e região da zona rural.
2014-12-12 10.08.25

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *