Quem poderá ajudar Marcelo encontrar a mãe; ele não a vê há 48 anos

A história de Marcelo Maidana é uma busca que atravessa décadas, uma saga em que a esperança nunca esmoreceu, mesmo diante da incerteza e do tempo que teima em passar.

Desde que se recorda, Marcelo anseia pelo reencontro com sua mãe biológica, um elo perdido que ele tenta desesperadamente restaurar.

A trajetória de Marcelo nessa busca incessante ganhou um novo impulso recentemente, quando sua esposa, Katia, entrou em contato com o PAT. Ela citou o desejo dele que já dura mais de 40 anos, de encontrar a mãe.

Os dados são escassos, mas fundamentais: o nome da mãe de Marcelo, quando solteira, era Sônia Solange Nicolas Jaques. Destaca-se que ela é natural do Rio de Janeiro; entretanto, informações mais recentes indicam que ela possa residir em Alegrete. O último encontro registrado entre mãe e filho ocorreu quando Marcelo tinha apenas um ano de idade, em 1976, deixando uma lacuna de quase meio século sem contato.

Um mês depois da maior tragédia que assolou o RS, são incontáveis os testemunhos de solidariedade

Marcelo veio ao mundo em Uruguaiana, no ano de 1975, em 28 de junho. A ausência do pai, já falecido, deixou-o sem referências sobre sua origem materna.

A história de Marcelo Maidana é uma narrativa de persistência, amor e o desejo primal de pertencimento. Seu anseio por encontrar sua mãe biológica é uma busca que transcende o tempo, uma jornada em que cada pequena pista é um raio de esperança em um horizonte vasto e incerto. Quem tiver alguma informação pode entrar em contato por meio do WhatsApp – 55 99633 2851.

Se inscrever
Notificar de
guest

1 Comentário
Mais antigas
O mais novo Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
PATRÍCIA

NÃO TEM NENHUMA FOTO DELA?