RS tem primeira morte por dengue em 2024

O Rio Grande do Sul registrou a primeira morte por dengue deste ano. O Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS), confirmou o óbito na última segunda-feira, 5.

O óbito ocorreu no dia 31 de janeiro, mas a causa foi confirmada nesta segunda. A paciente era uma mulher, de 71 anos, residente do município de Tenente Portela. Ela tinha comorbidades. Em 2024, o RS registrou 2.314 casos confirmados da doença, dos quais 2.101 são autóctones, ou seja, foram contraídos no Estado. No ano passado, o RS registrou mais de 34 mil casos autóctones. Ao todo, foram 54 óbitos em virtude da dengue no ano passado.

Barbeiro mostra que é preciso tão pouco para melhorar a vida das pessoas

Em entrevista à equipe de reportagem do PAT, o coordenador da Vigilância Ambiental de Alegrete, Rodrigo Azevedo, destacou a intensificação dos esforços no município para combater a proliferação do mosquito transmissor. A combinação de chuvas e sol cria um ambiente propício para a reprodução do Aedes aegypti, o que aumenta a urgência das ações preventivas.

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários