Taxista é encontrado morto em via pública enquanto passeava com o cãozinho
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

João Carlos Pedroso Ribeiro, taxista há muitos anos, no ponto da Praça Getúlio Vargas, faleceu na noite de ontem(19), vítima de um infarto fulminante. O trabalhador foi encontrado caído, em via pública, já sem vida. Ele estava passeando com um cachorrinho de estimação da família. A filha, Paula Ribeiro que realizou o registro na Delegacia de Polícia, disse que o pai não tinha problemas de saúde. A Polícia Civil foi acionada e o corpo removido ao IML da Santa Casa, após o levantamento fotográfico.

 

Aos 62 anos, João Carlos trabalhava de forma efetiva no ponto da Praça.  Muito carismático, atendia a todos com muita atenção. Antes de atuar como taxista, por mais de 20 anos João Carlos Pedroso Ribeiro trabalhou na Santa Casa de Alegrete. O alegretense trabalhava na portaria do hospital onde desempenhava com muita presteza o atendimento.

 

” Meu pai era um homem bondoso, ético, trabalhador, companheiro, amoroso e um pai maravilhoso. Tive o privilégio de ser sua filha. Foi um companheiro de vida da minha mãe por mais de 30 anos.” – disse Paula.

As últimas homenagens, devido à pandemia e orientações dos protocolos atuais, serão apenas para familiares, na Funerária Angelus na Avenida Da Saudade, perto do cemitério. O sepultamento será às 16h desta terça-feira(20).

Flaviane Antolini Favero


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •