Torcida se frustra com derrota do Brasil, mas mantém esperança no hexa

A derrota mesmo já classificado para a fase de oitavas de final, para Camarões frustrou a expectativa dos torcedores que acompanharam o jogo nos bares localizados na zona central da cidade.

Muitos acompanharam a partida eufóricos numa vitória que não veio sobre um eliminado Camarões.

Jogando com o time reserva, a Seleção Brasileira perdeu, nesta sexta-feira (2), para Camarões por 1 a 0 pela terceira e última partida da fase de grupos da Copa do Mundo no Catar.

Mesmo derrotado, o Brasil garantiu a liderança do grupo G do Mundial.

Com o primeiro lugar no grupo assegurado, a Seleção Brasileira enfrentará nas oitavas de final a Coreia do Sul de Son Heung-min, Kim Min-jae e companhia na segunda-feira (5), às 16h.

Na outra partida do grupo, a Suíça venceu a Sérvia por 3 a 2 e garantiu a segunda vaga do grupo G. Pelas oitavas, os suíços enfrentarão a seleção de Portugal na terça-feira (6), às 16h.

Moto é furtada, nesta madrugada, em Alegrete

O gol da derrota brasileira foi marcado por Vincent Aboubakar, que já tinha sido protagonista do renascimento camaronês no empate em 3 a 3 contra a Sérvia pela segunda rodada da fase de grupos, nos acréscimos do segundo tempo.

Nessa altura, a Suíça já vencia a Sérvia por 3 a 2 e um quarto gol levaria o Brasil para a segunda colocação do grupo G, já que os suíços igualariam o saldo de gols brasileiros com cinco gols feitos contra apenas três da Canarinho. A reviravolta, porém, não ocorreu.

Essa é a primeira vez que o Brasil perde um jogo da fase de grupos da Copa do Mundo desde 1998, quando foi derrotado pela Noruega por 2 a 1 com um gol no final do segundo tempo.

Com a derrota contra Camarões, o Brasil também chega a três Copas seguidas sem fechar a primeira fase com três vitórias – a última foi em 2006. Em 2010 e em 2014, a seleção empatou em 0 a 0 com Portugal e México, respectivamente. E em 2018, a Canarinho ficou no 1 a 1 contra a Suíça.

Juízes Rafael Echevarria e Thiago Tristão e servidores são homenageados pelo Tribunal de Justiça

Os três gols nos três jogos da fase de grupos também fazem da campanha no Catar a com menos gols do Brasil na primeira fase de uma Copa do Mundo desde o Mundial de 1978, quando a seleção marcou apenas dois gols.

Mas mesmo com o cenário de derrota a torcida está garantida na próxima segunda-feira, com um final feliz e de muita festa.

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários