Covid-19: Testagem no Marfrig negativou 656 colaboradores da planta de Alegrete

Compartilhe
  • 1.5K
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1.5K
    Shares

A Marfrig Global Foods S.A, Unidade de Alegrete realizou a testagem para Covid-19 dos seus colaboradores no último dia 28.

O programa de testagem vai abranger os 18 mil colaboradores da Marfrig no Brasil. O objetivo é detectar funcionários que tenham tido contato com o novo coronavírus (causador da Covid-19) e, a partir dos dados coletados, adotar mais medidas de prevenção em suas unidades de produção.

Em Alegrete foram testados 656 colaboradores atingindo 100% do quadro de funcionários ativos da planta local e, segundo a empresa, todos resultados deram negativo.

A fiscalização criteriosa, verificando a temperatura antes dos funcionários embarcarem no ônibus e outra na chegada da empresa e demais protocolos adotados pela Marfrig âmbito nacional. O resultado dos exames (PCR), foi bastante comemorado por todos. Até a Secretaria de Saúde do Município, Bianca Cazarotto, destacou o resultado em uma live na noite de quinta-feira.

A empresa havia firmado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) de caráter nacional com o Ministério Público do Trabalho (MPT) em que assumiu o compromisso de garantir mais proteção aos trabalhadores das 12 unidades da empresa no Brasil. Isso inclui as plantas em Alegrete, Bagé, Pampeano e São Gabriel no Rio Grande do Sul.

As plantas frigoríficas têm preocupado pelo grande número de casos confirmados e alto índice de contaminação. Do total de casos confirmados de Covid-19 no Rio Grande do Sul, 24,4% são de trabalhadores do setor frigorífico, segundo o Ministério Público do Trabalho (MPT). Em Alegrete, o Marfrig notificou o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação sobre o procedimento realizado em dois dias.

O TAC firmado pela Empresa possui 43 itens que tratam de medidas preventivas. Entre elas está a implementação de protocolo que garanta rotina de testagem rápida sorológica (IGG/IGM), associada ao teste molecular RT-PCR conforme o caso, em trabalhadores que mantiverem rotina de trabalho presencial e desempenhem atividades em ambientes compartilhados.

A Marfrig segue a busca ativa diária, em todos os turnos de trabalho, de trabalhadores, terceirizados, prestadores de serviços e visitantes com sintomas similares aos da gripe. Caso seja constatado, o funcionário é afastado imediatamente até a realização de exame para os assintomáticos.

Ainda, conforme o órgão, a empresa também realizará a aquisição de máscaras de acordo com os parâmetros técnicos da ABNT, realizando troca das mesmas a cada 3 horas.

De acordo com a Marfrig, em março, assim que a pandemia de Covid-19 começou a evoluir no Brasil, a empresa “adotou todos os protocolos recomendados pelas autoridades sanitárias e de saúde”. “Todos os colaboradores passaram a seguir as regras de distanciamento social. Funcionários classificados nos grupos de risco foram imediatamente afastados de suas funções, assim como profissionais que apresentaram sintomas de gripe”, agir.ou a Companhia.

Júlio Cesar Santos                               Fotos: PAT     


Compartilhe
  • 1.5K
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1.5K
    Shares