Capataz é acusado de tentativa de abigeato ao carregar um caminhão de bois

Compartilhe
  • 850
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    850
    Shares

Capataz, de 63 anos, foi detido pela Brigada Militar pela suspeita de furto abigeato em fazenda no Durasnal.

Na manhã de terça-feira(10), a guarnição foi acionada pela dona do estabelecimento rural depois que ela recebeu uma ligação do irmão que passou pelo local e achou suspeito ter um caminhão e um Celta na Fazenda. Quando o condutor do carro percebeu a presença do homem, fugiu. Já o caminhão ficou detido. assim que a proprietária soube deste relato, comunicou a Brigada Militar.

A guarnição foi até o interior, cerca de 24Km da cidade, onde identificou o motorista e proprietário do caminhão Mercedez-bens e um sobrinho. O homem disse que na noite anterior havia recebido um telefonema de um homem que conhece apenas por “Gringo”. Este teria contratado seus serviços como freteiro para fazer o carregamento de um gado nesta fazenda, já citada. Quando chegou no estabelecimento rural fez contato com o capataz que, em momento algum, teria questionado ou alertado que não teria carregamento.

O condutor do Celta placas da cidade de São Marcos-RS, que fugiu, ainda não foi identificado. O freteiro, o sobrinho que o acompanhava para auxiliá-lo e o capataz foram conduzidos à Delegacia de Polícia, assim como, a dona da fazenda.

Em contato com a autoridade policial foi determinado registro simples, por tentativa de furto- abigeato. A vítima relatou que há algum tempo estava percebendo que alguns animais estavam “desaparecendo” do estabelecimento rural. Não foi especificado o número de bovinos que estavam presos na mangueira e seriam carregados, caso o irmão da proprietária não os tivesse flagrado.


Compartilhe
  • 850
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    850
    Shares