fbpx
Dandara, uma estrela internacional da dança, retorna em grande estilo a Alegrete
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A leveza não está apenas nos passos e sim no olhar, na alma. O sorriso angelical e a ‘pose’ sempre perfeita. Assim é Dandara Amorim, a alegretense que hoje é bailarina internacional, uma das mais consagradas que pertence a Companhia Ballet Hispânico em Nova Iorque.

Na manhã de quinta-feira (20), feriado Santo, Corpus Christi, com a proposição do vereador Celeni Viana, ocorreu uma carreata em carro aberto e uma homenagem na Câmara de Vereadores à jovem que retornou à sua cidade natal depois de dois anos.

Por volta das 10h20min., Dandara chegou na concentração localizada perto do Centro Social Urbano. Uma simpatia única, com muita simplicidade, a rainha do Ballet cumprimentou a todos que lá estavam. Bombeiros, Guarda Municipal, amigos e conhecidos. Ao lado do namorado, americano chamado Kandell, ela disse que estava emocionada com a recepção. Em entrevista ao PAT, a alegretense lembrou que há cinco anos saiu da sua terra natal como bolsista, para países desconhecidos. Passou por vários locais todos através de bolsas, citou companhias em Milan, Nova Iorque, Portugal entre outras. Atualmente reside em Nova Iorque, mas a agenda está sem datas diante de tantas apresentações. Ela está no Brasil para renovar o visto e vai ficar por três dias.

Enquanto Dandara conversava com a reportagem a avó paterna, Maria Luiza Lima de Moraes, 71 anos, a admirava, um amor incondicional. Assim como a mãe Liliane Rios de Amorim, 43 anos,e os irmãos.

Na sequência, no caminhão dos Bombeiros, Dandara e a família, realizaram uma carreata pelas principais ruas do município. Na Câmara de Vereadores, além do Prefeito Márcio Amaral, Secretária de Educação, Márcia Dorneles, presidente da Casa, Cléo Trindade, Vereador Paulo Berquó, representante do Deputado Federal Márcio Biolque, Gilberto e o proponente vereador Celeni Viana, também a aguardavam amigos e alunas da escola Balerina.

No salão de entrada, a homenagem contou com as palavras dos citados acima e a entrega de um certificado.

Vereador Celeni Viana, agradeceu a todos que estavam presente e falou do quanto não poderia deixar de realizar o ato para uma jovem guerreira que saiu da sua cidade, do seu país e hoje tem uma carreira sólida e reconhecida. Dentre as ponderações, Celeni argumentou que independente da miscigenação e principalmente por ser negra, Dandara é um exemplo do quanto as pessoas são capazes.

Ele ainda citou que a vitória do negro, não é apenas uma vitória,  é uma concessão de Deus.

Já o vereador Paulo Berquó, enalteceu a garra da bailarina descrevendo que a acompanha desde muito cedo, através das plataformas de trabalho. Além de salientar o quanto a cultura é algo sério, um dos pontos principais do seu gabinete.

E, na sequência,  a palavra foi do presidente da Câmara de Vereadores, Cléo Trindade. Em poucas palavras, o vereador traduziu o quanto a Dandara trás consigo e evidência um dos principais valores da vida, a família. Todos são sabedores de que ela vem de uma família muito humilde, entretanto muito batalhadora. Para completar disse que a alegretense, hoje, não é uma cidadã de Alegrete e sim uma cidadã do mundo.

Na conclusão do presidente da casa, vereador Celeni Viana passou a palavra para o representante do Deputado Federal Márcio Biolque, senhor Gilberto. De início, ele disse que ao receber o convite não lembrou de imediato quem era a família da homenageada, mas que depois vieram as lembranças do tempo em que conviveu com o avô paterno e toda a luta da família. Gilberto parabenizou Dandara e resumiu falando que acredita que ela ainda terá muito mais destaque.

Ainda na relação dos que realizaram um pequeno discurso, na homenagem à balairina, a secretária de educação, Márcia Dorneles, se emocionou ao falar dos pequenos, grandes passos da jovem.

A secretária salientou que Dandara é um exemplo de superação e isso requer muita disciplina, significa muitas vezes deixar de lado a infância, as brincadeiras, pular etapas de amadurecimento, mas sobretudo dedicação. Ela ainda completou com o desejo de que o ‘passeio’ realizado pelas ruas do município seja muito mais que o reconhecimento à Dandara e sim uma inspiração e um exemplos para todos os jovens e crianças alegretenses.

Na sequência, o Vereador Celeni Viana, quebrou o protocolo e passou a palavra ao Prefeito, Márcio Amaral, deixando que a homenageada fosse a última a falar, desta forma ficaria como a autoridade máxima naquele momento.

O prefeito Márcio Amaral, foi taxativo em dizer o quanto estava feliz por fazer parte daquele momento estando a frente do município. Márcio sintetizou ao comentar que muitas pessoas devem olhar e, ao ver a leveza, talento da jovem imaginam que tudo é muito fácil, mas sabe que não é assim. “Quem sabe o número de vezes que ela chorou de saudade da família, das dificuldades enfrentadas em todas as situações. Conhecendo bem a família sei que o esforço foi muito grande para que você pudesse estar onde está. Além de toda teu mérito. Precisamos saber que é importante sonhar alto para conseguir algo e nada acontece sem sacrifícios” – concluiu.

Foi então que a talentosa Dandara, muito emocionada agradeceu a todos. Ao carinho e comentou que jamais iria esquecer o gesto acolhedor. Ela disse que por onde passa não deixa de levar Alegrete pois sabe que estará sempre representando, além da companhia, a sua cidade.

Antes de encerrar, alunas da Balerina entregaram um buquê de flores e foram taxativas ao destacarem o quanto ela é uma inspiração a todas.

Na finalização das suas palavras, o vereador Celeni pediu para que a jovem Dandara que,por  algumas vezes havia feito tradução em inglês para o namorado, também fizesse uma agradecimento em inglês.

Um pouco mais da trajetória da bailarina

Dandara dança desde os seis anos. A mãe disse a reportagem do PAT que ela é capoeiristas e o pai da bailarina também. Quando a jovem era pequena eles tentaram levá-la para o mesmo caminho, a paixão pela capoeira, porém, a alegretense sempre teve convicção de que queria estudar ballet.

Ela iniciou na Escola de Dança Ballerina, através do projeto Primeiros Passos. O projeto social é uma criação da proprietária da escola Jacqueline Zacarias Silveira. A ação é destinada a crianças carentes das escolas públicas de Alegrete.

Há cinco anos, Dandara ousou sonhar mais alto e seu talento foi reconhecido internacionalmente. Hoje, colhe os frutos de toda a luta.

Em entrevista para o PAT, ela ressaltou que não foi fácil, continua com desafios, porém, jamais pensa em desistir. Aos jovens que recebem não em algum momento da visa, o conselho é fazer disso um aprendizado e não esmurecer.

Com lágrimas nos olhos, Lisiane, mãe da Dandara, não esconde o orgulho. Na memória um filme de muitas batalhas que enfrentou para educar os filhos, contando com a ajuda da avó paterna, desde que se separou. Mas cada desafio superado hoje representa muito mais que a conquista naquele período, significa que nada é mais importante do que o amor,esperança e a persistência.

A avó paterna Maria Luiza completou dizendo que para a família o mais gratificante é ter a oportunidade de confratenizar com todos. Ter, mesmo que por um curto espaço de tempo, todos juntos, pois amor maior não existe. Todos ficam ainda mais fortalecidos.

O americano e o chimarrão.

Ainda  na concentração, antes de sair a carreata, Kandell, namorado de Dandara arriscou e tentou “tomar um chimarrão” , mas ao tirar a bomba por mais de cinco vezes, não deu muito certo.

Também participaram como apoio a Guarda Municipal, através do diretor Ângelo Tertuliano e  Luciano. Já no caminhão dos Bombeiros estavam os sargentos Vicente, Ramos e soldado Neto.

Flaviane Antolini Favero


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •