Em processo que vítima e acusado já faleceram, Tribunal do Júri inocenta sobrevivente envolvido no crime

A sessão, além do mais, foi acompanhada por familiares do réu.

O trabalho na Comarca de Alegrete é incessante e, na manhã de sexta-feira(24), mais um Júri foi realizado, contabilizando o 18º deste ano de 2022.


O Ministério Público informou que, no dia 19 de abril de 2017, no bairro Vila Nova, em Alegrete, o indivíduo L. A. F. M. teria realizado disparos de arma de fogo, de dentro de um veículo, conduzido pelo réu C. O. P., que acertaram a vítima R. R. O. de L.

A acusação afirmou que o crime teria ocorrido com recurso que dificultou a defesa do ofendido, pois os réus teriam ido até a residência da vítima, buzinaram, a induzindo a sair, de dentro de casa, momento que, de inopino, L. A. F. M. desferiu os disparos que surpreenderam o morador.

Campanha Tenho Amor, Tá no meu sangue atingiu o limite de doações antes do prazo

O MP, também, citou que o crime não se consumou em razão de que a vítima conseguiu entrar em sua residência, não sido atingida em região corporal imediatamente vital, sendo socorrida por seus familiares, assim como, recebeu pronto e eficaz atendimento médico.


Entretanto, no curso do processo, faleceram a vítima R. R. O. de L. e o apontado como autor dos disparos L. A. F. M., sendo que, na sessão plenária, foi julgado C. O. P. que era acusado de ser motorista do veículo quando da tentativa de homicídio.


Na sessão, ademais, o réu, ao ser interrogado, negou a participação no crime, afirmando que havia apenas socorrido L. A. F. M., sendo que os jurados acolheram a tese defensiva não reconhecendo a sua participação nos fatos, razão pela qual o réu foi absolvido, sendo imediatamente colocado em liberdade.


Pelo Ministério Público atuou a Promotora de Justiça Rochele Danusa Jelinek, pela defesa o Advogado Eleandro Petroceli Pilar, sendo a sessão presidida pelo Juiz de Direito Rafael Echevarria Borba.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários