Pai localiza filha desparecida e agradece ajuda da comunidade alegretense

Depois da veiculação da notícia do desaparecimento da adolescente Priscila Madeira Jaques de 17 anos, o pai recebeu informações sobre o paradeiro da menor. Nesta manhã(12), em contato com ele, o mesmo disse que a filha já está em casa e agradece a todos que auxiliaram para que ela fosse localizada.

Cláudio Jaques fez Boletim de Ocorrência, na Delegacia de Polícia, e procurou pelo Conselho Tutelar pois a filha tinha saído de casa para ir ao mercado, em novembro, quando sumiu.

Na tarde da última segunda-feira (10), o Conselho Tutelar de Alegrete realizou uma visita na residência no bairro Nilo Soares Gonçalves e, foram informados que uma adolescente estava desaparecida há mais de dois meses.

O pai informou que no primeiro mês ainda tinha contato com a filha por telefone. Ela limitava-se a dizer que estava bem, mas sem detalhes. O que deixava a família ainda mais preocupada é que há mais de um mês, eles não conseguiam nenhuma informação sobre a adolescente. Desesperado, o trabalhador não deixou de procurar pela filha.

Compartilhe
  • 873
  •  
  •  
  •  
  •  
    873
    Shares