2020 começa com muitos furtos e roubos em residências

O final de ano de 2019 foi muito tranquilo, assim como o início de 2020. Não há registro de ocorrências de grande vulto, letais ou de violência. Porém, o número de furtos/ arrombamentos em residências e furtos/roubos de celulares teve um aumento considerável nesses primeiros 20 dias.

A média de ocorrências diárias é em torno de quatro registros. O que chama atenção é que não há uma área específica e horário. Há registros de furtos/ arrombamentos durante o dia, noite ou madrugada. Casos em que os ladrões entraram na residência até mesmo com os proprietários dormindo. Em muitos registros, uma coincidência é o consumo de alimentos e bebidas, além do furto de objetos de valor, também, são levados alimentos. Os arrombamentos ocorrem através de janelas, portas e telhados.

Já os casos de furtos/roubos de celulares têm um incidência maior durante a noite ou madrugada. De acordo com a Brigada Militar e a Polícia Civil, não há uma região específica. Os policiais orientam para os cuidados que as pessoas devem ter, principalmente, em locais de menos fluxo de pessoas e veículos. Ostentar celular ou fones de ouvido é um dos fatores que atrai a atenção dos ladrões.

Registro de ocorrências

É de extrema importância que a pessoa, vítima de um furto à residência, registre boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Alegrete. Isso porque, se recuperados os bens furtados, o procedimento facilita a devolução para os proprietários.

Compartilhe
  • 197
  •  
  •  
  •  
  •  
    197
    Shares