ACRA, nasce uma nova associação dos corredores de Alegrete

Há tempos a cidade de Alegrete carece de uma associação de corredores. Com bons atletas em corridas de rua, a cidade se destaca nas provas regionais e estadual no RS.

Porém falta um incentivo e suporte para que mais corredores possam participar das provas pedestres. E foi pensando exatamente em promover, divulgar, difundir e expandir o esporte que um grupo de abnegados corredores de rua do município se reuniram no último dia 14.

Alegrete é a 6ª cidade em que motoristas mais danificam e destroem postes na área da RGE

O encontro realizado nas dependências da residência do empresário e atleta Francisco Brasil (Chiquinho), foi o local de uma semente plantada, que se depender da vontade dos pioneiros, irá dar frutos.

Próximo passo da ACRA é juntar documentação para formalizar entidade

Os desportistas: João Augusto Miranda Pedroso, Luis Carlos Santos da Costa, Jerri Adriani, Clóvis Gonçalves, Francisco Brasil, Paulo Vitor Kostulski e Joel Lima de Castro, deram o primeiro passo para concretização de uma nova associação.

O objetivo de formar uma associação de corredores de rua, está mais próximo. Denominada Associação de Corredores de Rua de Alegrete – ACRA, a Associação não possui fins lucrativos e tem a finalidade de promover competições, fazer treinamentos em equipe, participação em competições dentro e fora do estado, fazer projetos com crianças carentes e incentivar a sociedade a melhorar sua saúde através do esporte.

O grupo está juntando os documentos para efetivar formalmente a ACRA e em breve fará outra reunião aberta aos atletas que quiserem participar.

“Estamos mobilizando o pessoal para que nosso esporte cresça. Queremos participar e promover a corrida, seja para aqueles atletas mais experientes, os novatos e incentivar nossas crianças”, destaca João Augusto Pedroso, um dos batalhadores pela criação da ACRA.

Fotos: Reprodução

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários