Oficina de costura da Promoção Social fez cobertores, de roupas usadas, que foram doados

Uma das atividades que carecem de mão de obra, em Alegrete, é a das costureiras.

Um local que oferece formação desta mão de obra é no Centro de Fortalecimento de Vínculos- serviço da Secretaria de Promoção e Desenvolvimento Social da Prefeitura.

Alunas de costura do Centro de Convivência
Alunas de costura do Centro de Convivência

Magna Rodrigues de Souza, instrutora do curso diz que há dois anos realizam esta formação e ajudam pessoas a aprender a costurar e ter uma atividade de trabalho e renda ou até mesmo fazer roupas e consertos para a família.

Tricoteira dá exemplo de como ser útil à comunidade onde vive

A informação é de que serão adquiridas máquinas industriais para melhorar o trabalho.

Uma das atividades das alunas e voluntárias do curso é arrumar peças doadas ao Banco de Vestuário. Assim que as roupas chegam lá são higienizadas e as que precisam são consertadas.

Mas quando as peças não servem mais para uso a alternativa, conforme Magna, é transformar em cobetas. E no ano passado, o grupo fez 40 cobertores que já foram doadas a quem precisa.

No momento eles não estão confeccionando e nem tem mais cobertas para doação.

Ela lembra que duas das máquinas de costuras estão com pequenos problemas é que se alguém que saiba fazer a manutenção pudesse ajudar seria de grande importância para darem prosseguimento às atividades com um grupo maior de alunas.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários