PMs realizam trabalho de parto em Butiá: ‘nunca imaginei passar por uma experiência tão emocionante’

Caso inusitado ocorreu na manhã desta segunda-feira (1º). Policiais do 28º Batalhão de Polícia Militar (BPM) responderam a chamado feito via 190 por homem que pedia auxílio à esposa.

Dois soldados da Brigada Militar (BM) realizaram o trabalho de parto de uma gestante em uma residência em Butiá, município a cerca de 70 km de Porto Alegre. O caso aconteceu na manhã desta segunda-feira (1º).

Os PMs do 28º Batalhão de Polícia Militar (BPM) responderam a um chamado feito via 190 por um homem que pedia auxílio à esposa, que estava entrando em trabalho de parto dentro da própria casa.

“Nunca imaginei passar por uma experiência tão emocionante, pois acolher o bebê relembrou o nascimento dos meus filhos”, comentou a soldado Luciana Gonçalves, que tem dois filhos.

Ao chegarem ao local, os soldados Luciana e Isaías Franco encontraram a gestante já em estágio avançado de trabalho de parto, não sendo possível o deslocamento a um hospital. Os PMs, então, procuraram acalmar a mãe e começaram a auxiliar no nascimento do bebê.

O menino, que se chamará Rodrigonasceu pesando 3,4 quilos e medindo 48 centímetros. A mãe do bebê relatou aos policiais que se surpreendeu ao entrar em trabalho de parto nesta segunda, já que estava com aproximadamente 38 semanas de gestação. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a data provável do parto é calculada para 40 semanas de gestação.

Comovidos, os PMs presentearam a família com itens de higiene, roupas e cobertores. O recém-nascido e a mãe foram encaminhados a atendimento hospitalar para avaliação obstétrica e pediátrica tão logo o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou ao local.

Por g1 RS

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários