Sirenaço para homenagear bombeiros mortos em POA

O perigo está sempre no dia a dia de um bombeiro, seja lutando contra o fogo ou numa situação limite em que há risco de vida para pessoas inocentes.

Homenagem Corpo de Bombeiros de Alegrete
Homenagem Corpo de Bombeiros de Alegrete

Ser um bombeiro é ser um anjo da guarda para alguém que pode estar preso numa casa em chamas, debaixo de escombros num desabamento e ser aquela pessoa que faz a diferença na vida de muitas outras.

Um ato no final da tarde de quinta-feira (22), às 17h, em frente ao quartel do Corpo de Bombeiros de Alegrete, foi promovido em memória aos dois Bombeiros militares que morreram, durante ação de combate a incêndio que atingiu um prédio da Secretaria de Estado da Segurança Pública do RS, em Porto Alegre, na última semana. Os corpos foram encontrados uma semana depois, nos escombros.

Pesquisa do Sindicato da Alimentação revela alta na cesta básica em Alegrete

O Sirenaço contou com a participação do Comandante do Pelotão, o 1° Tenente De Ávila; e os integrantes da Guarnição de Serviço: os Sargentos Robson, Lagemann, Cadona e Ferrão e ainda os Soldados Moura e Sacks.

Na manhã de ontem (22), o governador Eduardo Leite decretou luto oficial de três dias no Rio Grande do Sul pela morte de dois bombeiros militares no incêndio no prédio-sede da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Os corpos dos bombeiros Deroci de Almeida da Costa e Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós foram encontrados na noite de ontem após uma semana de intenso trabalho de buscas no local.

Conforme o decreto, o luto oficial é válido para todo o território estadual, durante três dias, a contar de quarta-feira (21/7), até sábado (24).

Veja o vídeo:

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários