Urcamp retoma atividades acadêmicas com acolhimento e inovação

Uma semana de palestras, encontros e reencontros, conhecimento e troca de saberes.

Em Urcamp | Por Redação JM

Assim está sendo o retorno às atividades acadêmicas da Urcamp nesta primeira semana de agosto, em Bagé, Alegrete, São Gabriel e Sant´ana do Livramento.

Neste recomeço, cada graduação ganhou uma atividade específica, de acordo com o interesse dos alunos e da grade de conteúdos de cada curso. A programação vem sendo chamada de “Acolhida Urcamp”, pois ajuda a integrar, ambientar e promover discussões em relação a temas relevantes para a formação dos alunos.

O acadêmico Lucas Machado da Silva, do 6º semestre do curso de Jornalismo, destacou os reencontros entre colegas e a aprendizagem que espera neste segundo semestre. “A expectativa é sempre a mais positiva. A gente espera sempre que a cada semestre a gente possa melhorar nosso convívio com os colegas, ter novas oportunidades. Hoje mesmo estamos com uma palestra muito interessante, porque através disso a gente consegue obter mais conhecimento das áreas que a gente pode atuar, no caso, dentro do Jornalismo, estar no Ensino Superior, ainda mais agora no presencial. É uma oportunidade de termos mais convivência , de mais vivência, de conhecer e aprender mais, porque o nosso tempo aqui tem que ser um tempo de aprendizado”, relata.

Bruno Ferreira ingressou no Módulo I de Direito e diz que a primeira aula já foi motivadora. “A minha família toda é do ramo do Direito, então eu já venho há bastante tempo sonhando para cursar esta graduação para eu fazer concursos. Estou numa perspectiva muito grande, já gostei muito da turma e me sinto entrosado”, revela.

Ainda dentro das ações de acolhida e recepção, o saguão do campus central de Bagé se transformou num grande laboratório para os alunos da Enfermagem. Eles atenderam acadêmicos, funcionários e professores através da realização de testes de glicose, testes da dengue, verificação de pressão arterial, além de orientações sobre a saúde. A mesma atividade foi desenvolvida nos demais Campi.

Quem orienta se orgulha. A coordenadora do curso de Enfermagem da Urcamp, professora Carmem Vaz, justificou a iniciativa. “Neste acolhimento, optamos por trazer atividades práticas e remotas, concomitantes, para acesso de todos os nossos alunos, tanto de Bagé quanto dos Campus, como forma de proporcionarmos um conhecimento amplo da importância do Curso de Enfermagem da Instituição e dos cuidados/prevenção da nossa saúde. Nosso objetivo é mostrar a preocupação dos docentes e discentes com a saúde da nossa comunidade acadêmica e comunidade, de forma geral”.

Na acolhida do curso de Ciências Biológicas, os alunos ganharam livros. A professora Dra. Anabela Silveira de Oliveira fez a doação do acervo, que também foi doado por um egresso do curso, o biólogo Luciano Moura de Melo. “Os livros detêm muita informação publicada e isso vai ampliar o conhecimento dos nossos acadêmicos”, destacou a docente.

Guilherme Nery Messias, do 5º módulo de Ciências Biológicas disse que a retomada alimenta um novo entusiasmo. “Os conteúdos são complementares e dar esta continuidade vai seguir desenvolvendo o nosso aprendizado. Essa volta às aulas híbridas é muito boa, mesmo a gente ainda em pandemia, é uma forma de irmos retomando dentro da normalidade que tínhamos antes”, destaca.

Em Alegrete, São Gabriel e Sant´ana do Livramento, também foram realizadas inúmeras ações para receber calouros e veteranos, como: palestras, rodas de conversa com profissionais de diferentes áreas egressos da Urcamp, dinâmicas de grupo, discussões sobre os conteúdos que serão aplicados ao longo do semestre.

A presidente da Fundação Átilla Taborda e reitora da Urcamp, que também preside o Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), o Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung), professora Lia Quintana, conta que o momento é de retomada, sempre pensando em oferecer algo diferente, que contribua efetivamente na formação dos estudantes. “Esta acolhida demonstra o nosso caráter afetivo com o nosso aluno. É uma forma de recebê-los com entusiasmo, com perspectivas de uma reta final exitosa neste segundo semestre do ano letivo de 2022. Queremos que o nosso acadêmico receba nosso carinho, nosso abraço, para que ele retome seus estudos com disposição e para que ele saiba que a Urcamp está sempre se aprimorando, inovando, porque, pensando no melhor ensino, nos melhores modelos de aprendizagem, isso é o que vai fazer a diferença quando saírem daqui para o mercado de trabalho”, enfatiza.

Graduação I Flex

O modelo acadêmico implantado em 2022 é uma extensão da Graduação i, implementada na Urcamp em 2019, que trabalha o ensino por competências, onde os estudantes desenvolvem soluções para projetos reais, através de demandas vindas da comunidade. As empresas, órgãos públicos, clubes de serviços e até mesmo profissionais liberais, depositam seus problemas na Plataforma Sou i de Projetos Integradores, por meio do endereço: soui.urcamp.edu.br, os alunos escolhem o projeto que trabalharão e desenvolvem soluções ao longo do semestre. Na Graduação i Flex, o ensino passa a ser híbrido, possibilitando a interação com outros Campi, mesclando aulas virtualizadas com a presencial.

A Urcamp oferece, na atualidade, uma extensa lista de cursos, nas modalidades presencial e EAD, totalizando mais de 40 opções de graduações. As informações de cada um deles estão nos seguintes endereços: presencial – urcamp.edu.br, EAD – ead.urcamp.edu.br.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários