Alegretense fatura título inédito no Redomão na Lagoa, em Aceguá, e quebra recorde

Realizada de 27 a 30 de janeiro, a 14ª edição do Redomão na Lagoa atraiu mais uma vez os apaixonados pelo cavalo crioulo.

Alegretense no alto do pódio no Redomão 2022

Alegrete foi bem representada na prova e acabou faturando o título de campeã geral de forma inédita, além de quebrar um recorde do evento.

Encerramento foi no sábado à noite

O cavalo Merlot Cala Bassa faturou o 1º lugar entre 23 machos. O domador alegretense Juliano Rodrigues, ganhou a prova dos machos numa das maiores prova de doma do RS. Além de ser a primeira vitória de um alegretense no Redomão, Juliano mais conhecido como Índio, montando Merlot Cala Bassa quebrou um recorde. Foi o cavalo mais pontuado de todas edições até aqui e levou mais um segundo lugar pela pontuação geral.

Homem morre em colisão entre carro e van com placas de Alegrete na BR-290

Cabanha Capim Santo comemorou o resultado

O cavalo da Cabanha Capim Santo de Willian Farias Gonçalves e Aline Dorneles entrou para história do Redomão juntamente com o domador Índio, que aos 34 anos conquista mais um título importante no meio de nomes consagrados do Freio de Ouro. Depois de conquistar uma campereada, o domador coloca no currículo um Redomão da Lagoa.

Traficante é preso com sacola repleta de “encomendas” para o Presídio

Índio em ação

O Redomão na Lagoa é idealizado pelo selecionador Marcelo Moglia, titular da Cabanha Cala Bassa. O criatório nasceu em 1994, mas tem origem em 1937 e, desde então, quatro gerações da família vêm desenvolvendo o trabalho com o cavalo crioulo.

Fotos: reprodução

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários