Aumento de casos de Covid-19, leva Alegrete receber aviso do Governo

O governo do Rio Grande do Sul voltou a emitir, na quarta-feira (25), avisos para todas as 21 regiões do estado em razão do aumento de internações por Covid-19.

Covid-19
Covid-19

Segundo o Grupo de Trabalho da Saúde, houve aumento de 320 pacientes nas últimas duas semanas, o que equivale a 83%. O número de internados em UTI também subiu nesta semana, com 50 pacientes a mais, entre suspeitos e confirmados.

O aviso é o primeiro nível do Sistema 3 As de Monitoramento, vigente desde maio de 2021 em substituição ao esquema de bandeiras. Após esse patamar, existem os níveis de alerta, quando cada região precisa adotar planos de ação contra a pandemia, e ação, quando o estado intervém nesses planos.

Na semana passada, após nove semanas sem que qualquer nível do Sistema 3 As fosse acionado, o governo emitiu avisos para todas as 21 regiões do estado em razão do aumento de casos de Covid-19.

Em Alegrete, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela secretaria de saúde na noite de quarta-feira (25), haviam sido confirmados 25 casos positivos, 15 mulheres e 10 homens, com idades entre 7 e 74 anos.

Até o fechamento do boletim, foram registrados 4 recuperados. Não foram registrados óbitos.

Há uma pessoa internada com Covid-19 na unidade clínica da Santa Casa de Alegrete. Atualmente são 19.466 casos confirmados e 19.006 recuperados.

Alegrete está com 133 casos ativos no município. No total foram 327 óbitos por Covid-19.

A secretaria já realizou 56.419 testes, sendo 36.953 negativos, 19.466 positivos e há 02 pessoas aguardando resultados de exames. Em observação com síndrome gripal há 82 pessoas.

De acordo com o governo, o aumento das internações nas últimas duas semanas é reflexo deste crescimento de casos.

Somado à ocorrência de outras doenças respiratórias, comuns durante os meses de outono e inverno no Rio Grande do Sul, e de casos de dengue, é possível que ocorra alta na procura por leitos de hospitais. A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, alerta para a importância da vacinação no controle dessa situação.

Vereador propõe criação de fábrica de artefatos de cimento com mão de obra prisional

Cerca de 80% da população residente no RS está com o esquema vacinal primário (duas doses) completo, mas apenas 50,5% tomou a dose de reforço, completando o esquema vacinal.

O consórcio de veículos de imprensa aponta que a média diária de casos subiu 15% em relação à média de 14 dias atrás, dentro do limite de estabilidade. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no Rio Grande do Sul é de pouco mais de 72%, com 1.810 pacientes em 2.495 vagas. Do total de pessoas em terapia intensiva, pouco mais de 11% têm Covid (138 pessoas) ou a suspeita da doença (72 pessoas).

Atleta morre ao final de atividade do Dia do Desafio em Alegrete

Em decorrência da piora dos indicadores, a reunião do Gabinete de Crise, que havia passado a ser quinzenal, voltará a ser semanal a partir da próxima semana.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários