Barbearia é o segundo segmento de serviços que mais cresce em Alegrete

A força de trabalho de Alegrete é sustentada em diversos segmentos comerciais da cidade. Um segmento, relativamente novo, mas que se expande exponencialmente no Município, são as barbearias.

Mas por que os empresários enxergam nesse ramo tantas possibilidades, qual a explicação para tantos estabelecimentos num mesmo bairro, especialmente no centro. Veja alguns relatos que ajudam explicar a multiplicação desses estabelecimentos.

Desgarrado do pago leva para SC um sabor bem alegretense

Segundo dados da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Alegrete, o número de barbearias em Alegrete já ultrapassa as cento e cinquenta, sendo vinte e seis delas abertas no último semestre de 2023. Os empreendimentos são o segundo ramo que mais cresce no Município, atrás somente das lancherias que dominam o setor, no quesito de expansão.

Edeson Vasconcellos, proprietário de uma rede de barbearias de Alegrete, destacou que o mercado sempre foi uma segmento forte, porém, de uns anos pra cá, a movimentação de artistas e jogadores de futebol, fez com que diversas pessoas se interessassem em aprender e se desenvolver na profissão, com isso, diversos cursos e mentorias foram criadas para atender esse público, disse.

A missão delas é uma só: fazer o bem

Outro ponto destacado é que o valor bruto recebido por muito barbeiros é muito acima do padrão convencional dos brasileiros.”Hoje em dia, se o servidor trabalha de segunda à sexta ele consegue uma renda bem acima do padrão, algo em torno de 3 mil a 4 mil”, explicou.

Já outro empresário do ramo, explicou que essa rápida expansão se deve principalmente pela taxa de desemprego em todo país.”Para o servidor se tornar barbeiro basta ele fazer um curso e se disponibilizar tempo para desempenhar a atividade. Acredito que uma saída para o pessoal que não encontra trabalho é virar empreendedor do seu próprio negócio, e as barbearias são uma boa vitrine”, destacou.

Sacola de lixo arremessada de edifício atinge transeunte e seu pet; detritos também acertaram um automóvel

Numa das barbearias de Alegrete, duas mulheres, Sílvia Silva e Sabrina Nunes, são as responsáveis pelo serviço do espaço. Sabrina destacou que a profissão é uma paixão e que a sua área de atuação vai muito além de um corte de cabelo, é um significado de auto estima e fortalecimento da alma, respondeu a alegretense. Ela também destacou que o setor tem muita margem de crescimento e entrada nesse ramo é garantia de fluxo de movimento.

Percebe-se que o segmento de barbearias cresce muito em Alegrete por esses relatados. O setor segue em expansão e movimentando a econômia do município, empregando diretamente centenas de trabalhadores.

Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários