Comprador paga bicicleta motorizada, mas vendedor não entrega

Na tarde de terça-feira(24), um trabalhador procurou a Delegacia de Polícia de Alegrete, depois de realizar uma compra, através de uma transferência pelo PIX e não receber o produto.

O trabalhador, disse aos policiais civis que adquiriu uma bicicleta motorizada, na cidade de São francisco de Assis. A vítima visualizou a oferta de venda em um perfil no facebook e entrou em contato com o responsável pelo anúncio.

Anahy, a menina de 9 anos que já leu mais livros que muito adulto ao longo da vida

Depois do acerto de valores, um amigo da vítima foi até São Francisco onde iria receber a bicicleta motorizada. Chegando no endereço, o acusado informou que faria a entrega mediante transferência do valor de 800 reais, o que foi feito através do Pix.

Contudo, o proprietário da bicicleta passou a contestar e dizer que nenhum depósito havia sido realizado em sua conta. Como disse não ter recebido o valor, não entregou o produto.

Por esse motivo, a vítima passou a ligar e enviar o comprovante, mesmo assim, o acusado segue reiterando que não ocorreu a transferência. Diante do impasse, o alegretense procurou a Delegacia de Polícia e deseja representar criminalmente contra o homem.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários