Cães sem água e sem comida são resgatados pela PATRAM

Maus-tratos a animais foi constatado pela PATRAM, em Alegrete, com apoio da veterinária da Ong OPAA.

De acordo com os policiais militares, na última sexta-feira(29), uma guarnição foi acionada em razão de uma denúncia de maus-tratos a animais no bairro Maria do Carmo.

No endereço, os policiais, juntamente, com uma veterinária da ONG que atua na causa animal do Município de Alegrete, constataram que havia cinco cães, desses, quatro filhotes.

Os animais estavam em situação de abandono, sem água e sem comida. A veterinária atestou situação de maus-tratos e diante dos fatos foi confeccionado um Boletim de Ocorrência Policial.

Nascimento de terneiros trigêmeos, no Caverá, é um fato raro

Os animais ficaram aos cuidados de uma mulher, de 38 anos, que teve conhecimento do fato através das redes sociais e se prontificou a cuidar, momentaneamente, de todos os cães( mamãe e filhotes).

Os cachorrinhos são recém-nascidos, portanto, ainda não podem ser encaminhados para adoção.
A ONG se prontificou em fazer a castração da mamãe e posteriormente dos filhotes, bem como, já providenciou uma casinha.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários