Com alegretenses na seleção, Brasil é o 3º no Mundial de Pádel em Doha

Lucas Campagnolo, Stefano, João Pedro Flores e Patric Leães integraram a delegação brasileira no Qatar.

Seleção de Pádel do Brasil

Foi realizado de 15 a 20, o XV Campeonato Mundial Absoluto de Padel em Doha (Qatar). O Brasil esteve bem representado tanto na modalidade masculina quanto feminina.

Brasil fez história no Mundial de Pádel do Qatar

Destaque para a seleção masculina Dos 8 atletas profissionais, três alegretenses: Lucas Campagnolo, Stefano Flores e João Pedro Flores, incluindo o assistente técnico Patric Leães, alegretense que auxiliou o técnico Ramiro Choya na competição.

As perdas deixam marcas de muita dor nas famílias vitimas da Covid

Em pé: Lucas (último à dir.) Agachados: (da esq.) Patric, Stefano (terceiro), e JP (último à dir.) Brasil terceira potência do pádel mundial

O trio de padelistas alegretenses representou o País ao lado dos melhores atletas brasileiros da modalidade. No masculino, com Lucas, Stefano e JP na equipe, o Brasil subiu ao pódio na 3ª posição. Já no feminino o Brasil ficou em 5º lugar.

Melhores jogadores do país foram ao Qatar

Na fase classificatória, Lucas e Stefano ajudaram a seleção nas vitórias sobre a Itália, Bélgica e Qatar. Nas quartas de final o Brasil venceu o Chile por 3 a o e avançou na competição. Na semifinal o adversário foi a Argentina, 11 vezes campeã mundial. Ao lado de Bergamini, Stefano Flores não conteve a dupla Di Nenno e Stupaczuk que venceu por 6/2 e 6/3.

Stefano Flores experiência a serviço da seleção

Na disputa do 3º lugar o Brasil não teve dificuldades em bater os franceses por 3 sets a 0 e garantir a terceira força do pádel mundial.

Vitória sobre os franceses

“Que semana Inesquecível. Muitas risadas, brincadeiras, companheirismo e dentro da quadra nos atiramos de cabeça por cada brasileiro que torce pelo nosso esporte. Amo vocês, time. Ficamos em terceiro lugar no mundial, onde valorizamos muito esse resultado visto a ascensão rápida de todos os países nessa febre que se chama padel. Obrigado a todos pela energia, mensagens e carinho pelo nosso time. Obrigado a toda equipe a Cobrapa e FNP por tornar possível esse que foi considerado por muitos, o melhor evento de padel de todos os tempos. Obrigado família e aos patrocinadores por tudo”, destacou João Pedro Flores.

João Pedro Flores comemorou o resultado

A delegação brasileira foi patrocinada por uma empresa genuinamente alegretense. A FNP apostou no talento dos padelistas brasileiros e apoiou a participação do Brasil no Qatar. Inclusive o empresário alegretense Júnior Cortelini esteve em Doha torcendo pelo Brasil.

Fotos: divulgação

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários