Mais de 200 municípios do RS decretam situação de emergência

209 municípios decretaram situação de emergência no estado em razão da falta de chuvas. Destes, 52 já tiveram a situação homologada pelo estado e 47 reconhecidos pela União. O número representa 42% das cidades gaúchas.

baixo nível do Ibirapuitã
baixo nível do Ibirapuitã

Quase metade dos municípios do Rio Grande do Sul já decretaram situação de emergência por conta da estiagem, que poderá gerar uma perda superior a 19,7 bilhões de reais em culturas como a soja e o milho, além de prejuízos em outras produções, como a do leite.

Onda de calor: Alegrete registra 46°C nesta tarde

A situação fez com que a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, visitasse áreas afetadas para examinar ações de socorro antes que a situação piore ainda mais. Nada de concreto foi anunciado.

Governador

Embora afastado das atividades presenciais por causa da Covid-19, o governador Eduardo Leite encaminhou à ministra um ofício informando que a maioria dos municípios do estado dependem da agropecuária e que a estiagem provoca grandes prejuízos para a economia do estado, considerando que o agronegócio é responsável por mais de 40% do Produto Interno Bruto (PIB) estadual e 60% das exportações do Rio Grande do Sul.

“Positivado para covid-19, não pude acompanhar a ministra Tereza Cristina em visita às regiões mais atingidas pela estiagem. Mas conversei com ela ontem à noite e encaminhei, pelas mãos do vice-governador, ofício com as demandas do Rio Grande do Sul ao governo federal pela situação de emergência”, escreveu Eduardo Leite em suas redes sociais.

O documento reúne, segundo o governo, demandas do estado, consolidadas após conversas com representantes de entidades rurais, prefeitos e deputados estaduais e solicita, entre outras coisas, que sejam viabilizados recursos federais para subsidiar juros das operações de crédito rural na agricultura familiar e para fortalecer o Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Pequenos Estabelecimentos Rurais (Feaper) e o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA)

Uma primeira etapa deve viabilizar licitações para a perfuração de 750 poços, além de escavações de 6 mil microaçudes, entre outras ações.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários