Na procissão de Corpus Christi muitas orações para a cidade

Igreja - Matriz - Procissão

Depois de dois anos sem a procissão em decorrência da pandemia, no feriado de Corpus Christi, os fiéis lotaram a Igreja Matriz e centenas de pessoas realizaram a caminhada da Paz e pelas Famílias.

No retorno da procissão de Corpus Christi, na Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida, não ocorreu o tradicional enfeite dos tapetes, feitos de serragem colorida, areias, tampinhas de garrafa, cascas de ovos, pó de café, farinha, flores, roupas e outros ingredientes.

Saúde mental: negligenciar nessa área é perder referências de vida, diz pedagoga

Mas a Missa foi acompanhada de uma caminhada na Praça Getúlio Vargas, onde as pessoas carregavam balões brancos que sinalizavam a paz.

A procissão foi anunciada pelo badalar dos sinos, após a Missa que iniciou por volta das 15h. Com a previsão de chuva e alguns chuviscos até a saída de todos da Igreja, a caminhada foi possível sem nenhuma intercorrência, pois, durante todo trajeto, o tempo se manteve firme, sem a precipitação anunciada.

Os fiéis, na sua maioria de roupas brancas, assim como balões, seguiram e realizaram o percurso, com cantos e orações, com as quatro paradas, significando os quadrantes da cidade.

Um grande soldado da nobre missão de salvar vidas vai para a reserva

Na primeira, ao lado do Museu José Pinto, o Padre Pedro Navarro abençoou todas as pessoas e o lado sul da cidade. A oração foi um pedido de que a paz reine em todos os corações. Logo, a segunda, foi em frente à Prefeitura Municipal, onde o prefeito Márcio Amaral, Secretários e outros colaboradores, que estavam na Missa, aguardavam a chegada dos fiéis.

O Padre abençoou o Gestor Municipal, todos os que atuam na Prefeitura e realizou uma prece. Já na esquina da rua Luiz de Freitas, as orações foram para a comunidade norte da cidade, onde o Pároco citou a Santa Casa e todos os profissionais que atuam na área da saúde. Também, realizou orações para os enfermos e pessoas que estão no hospital.

Concluindo as quatro paradas, foi feita uma oração a todos os estudantes e educadores, na esquina do Colégio Divino Coração, onde a diretora Irmã Rosa fez o acolhimento.

Enfermeira alegretense é autora de estudo científico que mapeia sequelas pós-Covid

Deste ponto, a procissão seguiu em direção ao Templo da Igreja Matriz, onde novamente o toque dos sinos fez anúncio de que a caminhada estava sendo concluída.

Os fiéis retornaram para a Igreja em oração e o Padre Navarro encerrou com a bençãos aos presentes, desejou paz e reiterou a relevância da paz interior.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários